Gestores municipais debatem políticas de transporte urbano
Menu

Gestores municipais debatem políticas de transporte urbano

  • Written by 
Gestores municipais debatem políticas de transporte urbano

“Acidente de trânsito, hoje, mata mais do que guerra”. A declaração do coordenador de Planejamento do Departamento de Trânsito do Pará (Detran), Mário Valente, foi reforçada por dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS): 22,8% de todas as mortes no mundo são provocadas por acidentes de trânsito, que também são a principal causa de mortes de jovens entre 15 e 19 anos.

Números que mostram a dimensão do problema e o desafio para os governos, já que as consequências dos acidentes de trânsito se refletem em outras áreas, principalmente na saúde pública. O tema foi discutido nesta quarta-feira (30), na abertura no “III Seminário de Políticas de Desenvolvimento Urbano Municipal”, que teve como objetivo principal elaborar o diagnóstico do transporte, mobilidade e trânsito.

O evento é coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), e faz parte do trabalho de revisão do Plano Diretor dos municípios paraenses. O evento reuniu representantes de 25 prefeituras do Pará, no auditório da Escola de Governança Pública, em Belém.

“Nosso objetivo é dar apoio e capacitação técnica às prefeituras, para que possam construir um banco de dados locais para subsidiar decisões futuras, como a criação ou não de novas linhas de ônibus, ciclovias, terminais, regularização de mototáxis e outras políticas municipais. Por isso, essa fase de diagnóstico é tão importante”, disse Semírames Silva, coordenadora do Programa Estadual de Ordenamento Territorial Urbano (Proturb). Esse diagnóstico servirá de base para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana, que deve ficar pronto até 31 de dezembro de 2019.

Malha rodoviária - Os secretários municipais de Transportes, técnicos e especialistas também receberam informações importantes sobre a malha rodoviária do Estado. O diretor de Planejamento de Infraestrutura da Secretaria de Estado de Transportes, Rodrigo Nassar Cruz, lembrou que o sistema rodoviário municipal precisa ser planejado em articulação com os sistemas estadual e federal, e se colocou à disposição das prefeituras para ajudar nesse trabalho.

Durante os debates, José Ary da Silva Jr., coordenador geral do Plano Diretor de Mãe do Rio (município do nordeste paraense), lembrou que o município está localizado na confluência de duas grandes rodovias, a BR-010 (Belém-Brasília) e a PA-252, que, segundo ele, “precisa ser finalizada, porque é fundamental para o desenvolvimento da região”. José Ary Jr. também pediu maior empenho e articulação ao governo estadual de órgãos e instituições federais que possam financiar obras de melhoria da malha rodoviária do Estado.

O III Seminário de Políticas de Desenvolvimento Urbano Municipal continua na quinta-feira (31) com o debate de temas como turismo, patrimônio histórico e cultural, esporte e lazer.

Por Marlicy Bemerguy

back to top

Institucional

Acessibilidade

Imprensa

Interno

Telefone

  • Geral
  • 3183-0020

tüvtürk randevuYouJizz